Get Adobe Flash player

 

Salientou ainda que “educar a inteligência emocional é indispensável para o saudável e harmonioso crescimento dos nossos jovens, ajudando-os a dominarem as habilidades emocionais para o seu desenvolvimento evolutivo e sócio emocional”. Os efeitos são visíveis. Os alunos “sentem-se acolhidos e melhor integrados, o que se traduz numa assinalável redução do barulho, dos conflitos e da violência, bem como na diminuição da dor face ao stress e aos problemas diários e ainda no incremento da autoestima e em resultados escolares mais positivos”.

O Diretor do Agrupamento de Escolas Dr. Ferreira da Silva evidenciou a concluir que “Esta é a matriz que caracteriza este Agrupamento, a de acolher iniciativas e projetos inovadores que se revistam de real importância para a escola e para os alunos e que contribuam de forma inquestionável para a sua autoestima, autoconfiança e motivação.”

Seguiram-se as palavras do Vereador da Educação, Ambiente e Associativismo da Câmara Municipal, Dr. Isidro Figueiredo, que destacou a importância do Projeto para as crianças, jovens e adultos e salientou o papel do Agrupamento de Escolas, sempre na linha da frente em inovação. De seguida, tomou a palavra o Diretor do Centro de Formação de Professores – AVCOA, que se congratulou com mais esta iniciativa do Clube de Inteligência Emocional e do Agrupamento e Escolas Dr. Ferreira da Silva. Coube à Dr.ª Manuela Queirós, Mentora do Projeto Clube de Inteligência Emocional na Escola, tecer as considerações finais sobre importância da cerimónia e do seu simbolismo.

Refira-se que o propósito do projeto CIEE – Clube de Inteligência Emocional na Escola é o de promover a educação da inteligência emocional na escola com o objetivo de ajudar o aluno a lidar adequadamente com as suas emoções através do Programa MQ - Aprender a Ser Feliz. Este é um programa específico de treino das habilidades emocionais, que compõem a inteligência emocional, e que pretende proporcionar um maior bem-estar pessoal e social, de forma a contribuir para a diminuição dos comportamentos de risco nos jovens portugueses.

Após a intervenção das diferentes entidades presentes, teve lugar a assinatura dos protocolos entre a Autora/Dinamizadora do Projeto CIEE - Clube de Inteligência Emocional na Escola, “Programa MQ - Aprender a ser feliz”, Professora Doutora Manuela Queirós, representada pelo Dr. Fernando Queirós da Happiness Training, o Diretor do Agrupamento de Escolas Dr. Ferreira da Silva, Dr. António Figueiredo, escola sede do Projeto e as Escolas pertencentes às Direções de Serviços de Educação do Norte e do Centro que, no corrente ano letivo, aderiram ao mesmo: o Agrupamento de Escolas de Infias, Vizela; o Agrupamento de Escolas Trigal de Santa Maria, Tadim-Braga; o Agrupamento de Escolas Dr. Correia Mateus – Leiria e o Agrupamento Escultor António Fernandes de Sá, Vila Nova de Gaia.

O segundo momento da sessão foi ocupado com o Workshop de apresntação do livro Inteligência Emocional, Aprenda a ser Feliz, da autoria da Dr.ª Manuela Queirós e editado pela Porto Editora.

A autora, docente há 41 anos, criou o projeto CIEE - Clube de Inteligência Emocional na Escola, “Programa MQ - Aprender a ser feliz” (reg. nº 4693/2010), fundamentado no seu Mestrado e no Doutoramento cujo objeto de estudo foi precisamente a inteligência emocional.

Perante uma plateia assinalável, a Dr.ª Manuela Queirós conduziu o workshop onde a felicidade e a boa disposição foram uma constante. A oradora propõe a abrir a sessão que esta se inicie, com massagens no pescoço, nas costas e na zona lombar a todos os presentes na sala. Para o efeito, o colega de cadeira faz massagens ao colega do lado e depois trocam de posições. Há música de fundo e muitas gargalhadas no exercício para descontrair o corpo. No final salienta “o nosso corpo fala e mostra se estamos ou não felizes”. O nosso corpo reage a estímulos, “há reações involuntárias, mas há técnicas de relaxamento, a respiração consciente, o controlo corporal”.

Durante mais de uma hora, sem que dessem conta do tempo passar, de tal forma foi bem orientado o workshop, uma plateia composta por representantes da autarquia, do Centro de Formação AVCOA, membros das várias Comissões que integram o projeto; pais e encarregados de educação, professores e psicólogos envolvidos, bem como alunos que frequentam o Clube, puderam ver explicitadas atividades, sugeridos exemplos e muitas outras temáticas constantes do livro acabado de editar. Houve ainda tempo para escutar de olhos fechados, um poema recitado com a voz doce de um declamador que entra no corpo e amacia a alma. “Neste caminho para a felicidade, é preciso ter todos os sentidos em alerta”.

A finalizar o workshop, teve lugar uma participada sessão de autógrafos com a Dr.ª Manuela Queirós a sentir o carinho e a admiração dos presentes.